Actividades

HOMEEnglish
Actividades

III Ciclo de Conferência «Literatura Escrita por Mulheres»

21-11-2019


18h00 | Biblioteca Nacional de Portugal

Conferência «Maris Ceh Moo: reafirmação étnica numa escritora indígena latino-americana» por Juciene Ricarte Apolinário (Universidade Federal de Campina Grande)



Mergulharemos nas histórias, memórias e legados das literaturas escritas por uma escritora Indígena da América Latina, Maris Ceh Moo. Maris Ceh Moo é mexicana, escreveu X-Teya, u puksi’ik’al ko’olel (Teya, un corazón de mujer), que foi o primeiro romance escrito em idioma maia. O livro foi publicado numa edição bilíngue pela Dirección General de Culturas Populares (México), com a versão em maia e em castelhano. Antes das produções literárias de Maris, as publicações em língua maia só haviam trazido narrativas curtidas, como o conto, o poema, o mito e as lendas. Marsiol Ceh Moo queria mais liberdade com os personagens, tempos verbais e contextos. Teya, un corazón de mujer é o primeiro romance escrito por uma mulher em um dos idiomas indígenas do México e narra o assassinato de um militante comunista em Yucatán (México). A autora recebeu por essa narrativa o reconhecido Premio Nezahualcóyotl de Literatura en Lenguas Mexicanas. Procuraremos em nossas discussões contribuir para uma luta Internacional que é dá visibilidade e protagonismos às mulheres indígenas, especialmente enquanto escritoras de obras literárias que possibilitam reafirmar as suas etnicidades





Organização
- CHAM / FCSH/NOVA | UAc

Apoio
- BNP




Programa | Programme(.pdf)

Mais informações | For more information(Web)