HOMEEnglish
Investigador
Maria João Castro

Investigador Integrado

Bolseiro de Pós-Doutoramento
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas/Universidade Nova de Lisboa

Grupo de Investigação:
As Artes e a Expansão Portuguesa

Áreas de Investigação:
História da arte
História da expansão portuguesa
História institucional e política
História cultural


Maria João Castro é doutorada em História da Arte Contemporânea (2014) pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH/UNL), onde também concluiu o mestrado na mesma área (2007). Investigadora integrada do Centro de História d´Aquém e d´Além-Mar (CHAM), tem vindo a orientar dissertações de mestrado e teses de doutoramento, a participar em comissões científicas, e a organizar ações de âmbito (inter) nacional. Foi co-comissária de exposição, coordenou as obras "Lisboa e os Ballets Russes" (2014), "Pensamento e Escritos (Pós) Coloniais (2017) e, em parceria, os volumes "Arte & Utopia" (2013), "Arte & Discursos" (2014), "Arte & Dor" (2015), Arte & Fé (2016), sendo autora de diversas publicações, nomeadamente "Dança e Poder. Diálogos e Confrontos no Século XX" (2015). Organizou/participou em colóquios e publicou artigos, ações levadas a cabo em Portugal, Escócia, Roménia, Dubai, Brasil e Nova Zelândia. Os seus domínios de especialização centram-se na História da Arte e Cultura Contemporânea, infletindo na ligação da Arte com o Poder quer em relação à Viagem e aos estudos (Pós) Coloniais, quer no que concerne à Dança.
Desde 2015 é bolseira de Pós-Doc da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) com o projecto "ArTravel. Viagem e Arte Colonial na Cultura Contemporânea".
Site: http://www.fcsh.unl.pt/artravel/
CV em: http://www.degois.pt/visualizador/curriculum.jsp?key=4003856715495632



Os conteúdos desta página são da responsabilidade do investigador.