Grupos de Investigação

HOMEEnglish
Arqueologia Moderna e da Expansão Portuguesa Apresentação

A área disciplinar da arqueologia é desenvolvida no CHAM desde 2006. O volume de trabalho produzido e o número de projectos em curso determinaram, em 2011, a criação de um grupo de investigação autónomo.

O grupo prossegue os objectivos do CHAM através do estudo dos vestígios arqueológicos enterrados ou submersos. Presta-se especial atenção aos territórios, estruturas e materiais resultantes do processo da expansão portuguesa nos séculos XV a XIX, mas também aos seus reflexos e interacções em Portugal e na Europa, olhando para outras experiências coloniais numa perspectiva comparativa.

Seguindo fundamentalmente as metodologias próprias da arqueologia, procura-se lançar novas problemáticas de trabalho no CHAM, que partam da análise dos vestígios materiais, ou complementar as de outros grupos de investigação.

A equipa dá também um enfoque particular à investigação aplicada, com o objecto de experimentar e desenvolver as suas áreas de especialidade e colocá-las ao serviço da comunidade. Presta-se igualmente atenção particular a questões como a salvaguarda, a conservação e a valorização do património arqueológico.

O trabalho do grupo de arqueologia agrupa-se em quatro áreas de pesquisa:

  • Fortificações e estabelecimentos portugueses entre os finais da Idade Média e a Idade Moderna

  • Paisagens marítimas, navios e navegação nos espaços portugueses dos séculos XVI a XIX

  • Cultura material, comércio e quotidiano na época moderna

  • Lisboa e a expansão portuguesa