Seminário Permanente de História do Tabaco

 

O Seminário Permanente de História do Tabaco decorre de um convénio de cooperação assinado entre Universidades de Espanha e de Portugal e destinado a realizar trabalhos de análise comparada entre os monopólios tabaqueiros das Coroas ibéricas e respectivos Impérios entre os séculos XVII e XIX.

 

O objectivo do Seminário é o de oferecer uma análise da história do tabaco em Espanha e Portugal (e respectivos impérios), desde a sua origem no século XVII até às primeiras décadas do século XIX. Ter-se-á em conta todos os sectores económicos e sociais com os quais o tabaco interagiu (agricultura, produção, exportação e distribuição, indústria e organização empresarial, relações laborais, consumo e fiscalidade, sem esquecer a análise prosopográfica e a formação de redes sociais e políticas em torno dos referidos monopólios). Nesse sentido, visa-se uma análise comparada dos monopólios régios Ibéricos, tanto no contexto metropolitano como nos territórios ultramarinos. O programa dos seminários poderá integrar ainda outros aspectos relacionados com o negócio e hábitos de fumo, no campo da história da cultura, antropologia, história da arte, literatura, etc.

 

No contexto do convénio de cooperação, integra-se, desde 2012, o projecto «La integración de las Economias Atlánticas: el Papel del Tabaco en los Impérios Ibéricos (1636-1832)» (HAR2012-34535), aprovado e financiado no âmbito dos Proyectos de Investigación Fundamental no orientada (Programa Nacional de Proyectos de Investigación Fundamental, correspondiente a la Línea Instrumental de Proyectos de I+D+i en el marco del VI Plan Nacional de I+D+i 2008-2011 - Espanha).

 

 

Coordenação

João de Figueirôa-Rêgo (CHAM)
Santiago de Luxán Melendez (ULPGC)

 

 

Organização

CHAM / NOVA FCSH

GRETA / ULPGC

 

Apoio

FCT
UAc
CIDEHUS / UÉ
ISCTE - IUL

 

 

 

 

 

Brevemente disponível